domingo, 21 de janeiro de 2018

Luanda

18/365
Esta é a realidade da Luanda...
Uma cadela de porte pequeno, chipada (com processo a decorrer, uma vez que não se consegue localizar o dono) e que foi abandonada por alguém que a retirou da rua.
Os dias da Luanda são passados assim, atrás das grades, dentro de uma boxe, privada de liberdade e do carinho de uma família.
É uma cadela sofrida e que anseia por um lar.
Quem lhe pode abrir a porta?
Quem a pode receber e acarinhar?

Sem comentários: